quinta-feira, março 12, 2009

Gelado por dentro e por fora.



Nunca me tinha sentido tão mal a ver um jogo do Sporting como o que assisti nas bancadas do Arena de Munique.
Se estivesse sózinho tinha saído na primeira parte.
Senti pena dos jogadores, do treinador, dos 2000 adeptos portugueses, senti pena de mim.
Com um frio de rachar, tinha a alma mais fria do que o corpo.
Assisti aos 6 – 3, à derrota na final da Taça UEFA e à perda do campeonato na Luz , na mesma semana, lembro – me de uns 5 – 1 com os lampiões, mas nunca me tinha sentido tão humilhado.
Esta é a altura para provarmos que o Sporting é uma família.
É perante as tragédias que as famílias se unem para ultrapassar as adversidades.
Tirei algumas fotos mas o que ficou para a posteridade foi um quadro negro.

2 comentários:

J P G disse...

Ainda estou angustiado. Acho que nem consigo comentar.

Fica apenas uma palavra de solidariedade e esperança, pois podemos não ter os melhores clubes do mundo, mas temos os melhores adeptos.

S.L.

joaquim agostinho disse...

JPG
Obrigado. para os emigrantes aindafoi pior
Abraço